segunda-feira, 15 de fevereiro de 2010

Essa noite sonhei que estava conversando com a Elenita do Big Brother Brasil. Ela me contava que era gay mesmo e que não acreditava na obtusidade da galere que não percebia isso através das dicas que ela dava. Daí ela disse que ia sair da casa do Big Brother e eu falava pra ela para que não fizesse isso, porque eu achava ela legal (belo argumento) e que seria covardia dela, que o povo alí era tudo um bando de babaca (mais um belo argumento) e não sei mais o quê, a partir desse ponto me lembro só de palavras soltas.

Nenhum comentário: