terça-feira, 20 de dezembro de 2011

Essa noite sonhei umas coisas nadavê.
Sonhei que estava numa casa velha onde eu encontraria "o mistério da vida". O "mistério da vida" nada mais era que uma experiência de Gregory Mendel para achar a origem da vida. Eisa grande surpresa quando achei a descoberta num potinho, era uma coisa cor-de-pele-parda, muito parecida com papinha de bebê com uns pedaços de cebola. Aí aparecia um cientista sem rosto que dizia que todos os seres vivos do planeta tinham aquela coisa em comum, que aquilo nada mais ela que um monte de dna junto, que se você investigasse a fundo perceberia que toda a vida veio daquela massa pastosa. Aí eu falava "se eu soubesse que a vida veio de uma sopa de músculo batida no liquidificador, nem teria saído de casa". Daí eu peguei uma colher e estava prestes a comer a origem da vida quando o cientista "mas você vai comer isso daí mesmo?". Mudei de idéia. Nisso aparece o Chefe Chico (lembram-se da novela Chiquititas, que tinha o cozinheiro Chico?) e fala "ó, se você mudar de idéia, guardei aquela pasta de carne num pote dentro daquela caixa, só pegar e comer".
Aí eu acordei.

Chefe Chico

Falando em Chiquititas, quero compartilhar aqui o clipe que mais me dava vergonha alheia que eu já vi na vida.
Gente, era esse clipe começar a passar na TV que eu já começava a ficar com vergonha, começava a ficar vermelha e esconder a cara atrás de alguma almofada.

2 comentários:

Manu disse...

ai, eu não perdia um episódio de Chiquititas e tenho um cd! hahahah

Larissa Bello disse...

Esse realmente é o sonho mais bizarro que já ouvi falar! Papinha de pele parda com cebola!!! Affe!!!