terça-feira, 24 de março de 2015

infância 01

eu tenho um desconforto muito grande quando preciso ir ao banheiro em algum lugar que não seja minha casa. banheiro com aquelas cabininhas e divisórias então me deixam ansiosa. tenho a impressão de que quando eu menos esperar alguém vai abrir a porta e me ver com as calças nos joelhos.

recentemente eu tive um estalinho e lembrei de uma coisa que me aconteceu no jardim 2 (cinco anos de idade) e que com certeza me afeta até hoje.

na escolinha que eu estudei, nós tínhamos que pedir pra "tia" levar a gente quando a gente quisesse ir mijar/cagar. nesse dia eu pedi e a tia me levou lá na cabininha do banheiro, me deixou com a porta encostada e foi lá fazer sei lá o quê. pois sorrateiramente um pivete odioso da minha turma foi até o banheiro e BLAM abriu com tudo a porta e ainda chamou todo mundo da sala pra me ver lá sentada na privada toda indefesa com as calças marrons da escolinha pelo joelho. todos riam, menos eu, que gritava pela tia. eventualmente a tia ouviu meus gritos desesperados e foi lá dispersar aquele bando de criança escrota mas eu só me lembro até a parte que riam de mim.
esse pivete do caralho deve ter virado uma droga de um estuprador, nem duvido. zé ruela.
vai tomar no cu, fedelho sem rosto da minha memória.

Nenhum comentário: